Galáxia de Andrômeda: visível + ultravioleta

Galáxia de Andrômeda como é vista em telescópios. Crédito: SLOOH

Galáxia de Andrômeda como é vista em telescópios. Crédito: SLOOH

Okay, a Galáxia de Andrômeda é mais um objeto que todo mundo já conhece e que talvez você já esteja até cansado de ver em astrofotos por aí. Eu prometo que da próxima vez eu escolho um objeto menos comum. Mas desta vez, eu tive que fazer este stacking. E admito que, apesar de não estar 100% alinhado, o resultado acabou ficando mais legal do que eu esperava.

Se você já observou a Galáxia de Andrômeda a olho nu, parabéns: este é o objeto mais distante que nós conseguimos enxergar sem a ajuda de equipamentos. Localizada a 1,5 milhões de anos-luz daqui, o que você enxerga hoje é, na verdade, a Galáxia como ela era quando o Homo sapiens ainda nem existia! É como viajar no tempo. Aliás, o que dá para enxergar é apenas o centro de Andrômeda, já que os braços são muito pouco brilhantes; eles só podem ser enxergados com a ajuda de câmeras. Caso nós conseguíssemos enxergar a galáxia inteira a olho nu, ela seria maior que 6 luas cheias enfileiradas!

Mas para você ver o destino cataclísmico de nossa galáxia, você teria mesmo que viajar no tempo: cálculos sugerem que daqui a 3,75 bilhões de anos, a Via Láctea e Andrômeda vão se colidir! Não é bem como uma batida de carros, mas mais ou menos como uma mistura de fluidos. Como a distância entre as estrelas é muito grande, a colisão entre elas será muito rara durante o evento, mas a interação gravitacional entre as duas galáxias as transformará em apenas uma, do tipo elíptica, e muitas estrelas serão ejetadas para longe no processo, talvez até mesmo o nosso querido Sol (que nestas alturas estará se preparando para se tornar uma gigante vermelha).

Andrômeda é um dos alvos favoritos de astrônomos, devido a sua proximidade: é possível enxergar muitos detalhes, principalmente com a ajuda de filtros, tornando o objeto bastante fotogênico. Mas como você já deve ter lido em um post anterior, nós enxergamos apenas uma limitadíssima região do espectro luminoso. E para conseguirmos ver ainda mais detalhes do céu, é preciso enxergá-lo com diferentes olhos. E uma das soluções que temos em astronomia é apontar equipamentos sensíveis a outras regiões do espectro, e traduzir as imagens obtidas em cores que nós podemos enxergar.

Eu fiz o empilhamento de duas diferentes imagens de Andrômeda:

E o resultado foi o seguinte:

Galáxia de Andrômeda, nos espectro visível + ultravioleta distante

Galáxia de Andrômeda, nos espectros visível + ultravioleta distante

Qual é a vantagem de enxergar em ultravioleta? Eu não sou especialista no assunto, mas de cara é possível perceber que ela mostra melhor os detalhes da estrutura espiral da galáxia, ressaltando os braços, que no espectro visível são muito sutis. Eu imagino que este tipo de imagem é importante para estudar a teoria de formação e evolução galáctica, um assunto que ainda tem muitos nós a serem atados.

Desta vez eu consegui manipular imagens de maior resolução, mas mesmo assim não ficou muito boa para papel de parede, por causa do “recorte” diferente das imagens originais, e também por causa do alinhamento imperfeito. Mas nada que a prática (e melhores softwares/hardwares) não ajude a melhorar!

Anúncios

2 Respostas para “Galáxia de Andrômeda: visível + ultravioleta

  1. Leonardo, estou muito contente por ter encontrado seu blog. No momento sou curioso em astronomia e estou fazendo um curso de introdução. É muito legal encontrar informações fáceis de assimilar como as que vc posta aqui.

    Meus parabens e muito obrigado pela contribuição.
    Até mais.

Fique à vontade para comentar, aqui não há certo ou errado, nem censura de ideias. Mas, por favor, seja claro e, acima de tudo, use pontuação. Comentários ininteligíveis ou ofensivos não serão publicados.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s