Astrofotos da semana (12 a 18/08/2012)

Aglomerado de Ptolomeu, na constelação do Escorpião. Crédito: Rolf Wahl Olsen no flickr

Esta belíssima astrofoto que foi obtida pelo fotógrafo Rolf Wahl Olsen retrata o aglomerado aberto de Ptolomeu (por ter sido observado por esta figura da Grécia Antiga), um objeto de céu profundo que pode ser facilmente observado a olho nu em locais de céu escuro (baixa poluição luminosa), aparecendo como um borrão entre a cauda do Escorpião e Sagitário. As estrelas desse aglomerado têm aproximadamente 200 milhões de anos, e uma boa parte dos indivíduos são gigantes azuis.

Meteoro da chuva Perseídeos, no Colorado, EUA. Crédito: Patrick Cullis no flickr

Na semana passada ocorreu a famosa chuva de meteoros Perseídeos, que foi um belo espetáculo para os habitantes do hemisfério norte do planeta, enquanto que nós aqui no hemisfério sul (principalmente para quem está abaixo de ~30° S) ficamos a ver navios, ou apenas alguns poucos meteoros. Tem uma enxurrada de fotos dessa chuva pela internet, mas esta é a minha favorita: ela foi obtida por Patrick Cullis, no Colorado (EUA).

Atlas, uma das luas de Saturno, atrás de seus aneis. Crédito: NASA/JPL-Caltech/Space Science Institute

A sonda Cassini, que orbita o planeta Saturno, obtém algumas das imagens mais impressionantes do Sistema Solar. Nesta foto em particular, pode-se observar a pequena lua Atlas, que por sua vez orbita entre os principais aneis do gigante gasoso e o fino anel F, que é mais externo. A distância entre a sonda e a lua foi estimada em 1,4 milhões de quilômetros.

Local de pouso da Curiosity em Marte. Crédito: NASA/JPL/University of Arizona

Marte é um planeta deserto. E como todo deserto, ele possui tempestades de areia. Essa areia possui a cor avermelhada, e forma uma camada relativamente fina de solo na superfície, e é por isso que nós enxergamos Marte como um planeta vermelho (ou enferrujado). O que aconteceu no local de pouso da Curiosity foi que o vento provocado pelos jatos de pouso da rover foram fortes o suficiente para levantar a areia, expondo a camada azulada do solo (cor intensificada artificialmente), que fica logo abaixo da superfície. Esta foto foi obtida pela câmera HiRISE, que orbita o planeta na sonda MRO (Mars Reconaissance Orbiter). Clique na imagem para ver a foto inteira.

Nebulosa do Cachimbo, na constelação do Serpentário (Ofiúco). Crédito: ESO

Esta astrofoto mostra uma parte da vasta nuvem escura de material interestelar conhecida como Nebulosa do Cachimbo ou Barnard 59. Antigamente pensava-se que essa era uma região escura do céu onde não haviam estrelas, mas na verdade trata-se de uma nuvem tão espessa, que ela bloqueia a luz das estrelas que nascem constantemente nas suas entranhas. Em locais sem poluição luminosa e em noites sem luar é possível observar (ou pelo menos distinguir a falta de estrelas) este objeto a olho nu. É uma nebulosa que fica relativamente perto de nós, a 600~700 anos-luz de distância.

Pilares da Criação, na Nebulosa da Águia. Crédito: SLOOH

A Nebulosa da Águia é um objeto de difícil observação, sendo possível ver seus detalhes somente com equipamentos mais sofisticados e boas condições de observação. Esta astrofoto foi obtida pelo telescópio SLOOH, no observatório das Ilhas Canárias, e mostra os chamados Pilares da Criação, regiões onde ocorre uma intensa formação de estrelas. A Nebulosa da Águia fica na constelação do Serpentário (Ofiúco), a aproximadamente 7000 anos-luz de distância.

Anúncios

Fique à vontade para comentar, aqui não há certo ou errado, nem censura de ideias. Mas, por favor, seja claro e, acima de tudo, use pontuação. Comentários ininteligíveis ou ofensivos não serão publicados.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s